Esqueça o Passado: Faça o Bem Agora

Suponha que você tenha feito coisas boas e coisas ruins. Já que não podemos mudar as coisas ruins que fizemos, devemos nos esforçar para modificar a nossa conduta e sinceramente tentar fazer apenas o bem de agora em diante. O bom karma dá bons frutos, enquanto o mau karma traz resultados negativos. Ainda que o bom karma seja preferível, estar livre tanto do bom quanto do mau karma é a única e verdadeira liberdade.

Esta é a hora de mudar as nossas vidas completamente. Podemos nos libertar do mau karma e assim ficar livres dos seus resultados. Se tentarmos com sinceridade a partir de agora, até mesmo o mau karma não produzirá os seus resultados. Ele será completamente eliminado de dentro de nós. Enquanto o karma permanecer na forma de semente, ele poderá dar flores e frutos; o bom karma dará bons frutos e o mau karma dará maus frutos. Assim, o nosso karma, na forma de sementes, fica guardado em nós. Estaremos verdadeiramente libertos apenas quando estivermos livres tanto do bom quanto do mau karma. Este é, sem dúvida, o verdadeiro espírito da liberdade.

No texto tântrico Kularnava Tantra, é dito: papa punyam pashum hatva − “Qualidades negativas, atividades pecaminosas, assim como as virtuosas e meritórias, são todas qualidades animais”. Algumas são perigosas e outras são dóceis. Os animais dentro de nós são raiva, ego, inveja e amor. Você deve matar tanto os animais bons quanto os maus. Mas como matá-los? Jnana khadgena yogavit significa: “Ser o mestre da yoga, o conhecedor da yoga” (Kularnava Tantra). Mate com a espada do conhecimento tanto os animais internos bons e domesticados quanto os perigosos e selvagens. Portanto, seja um iogue que empunha a espada do conhecimento – corte ambos, elimine ambos, e assim você estará livre.

Tanto o bom quanto o mau karma criam escravidão em nossas vidas. Você pode estar preso por uma corrente de ferro (algemas), ou por uma corrente de ouro (braceletes dourados), mas no fim ambas são correntes que aprisionam. Ainda que a corrente de ouro (boas ações) seja maleável e prazerosa, ou mais fácil de quebrar do que a corrente de ferro (ações negativas), ambas estão efetivamente prendendo você. É por isso que, para experimentar a verdadeira liberdade, você precisa se libertar de ambas as correntes que o aprisionam.

Todas as sementes têm o potencial de crescer, mas, se a semente for queimada, ela não germinará. A semente do karma pode ser queimada através da oração e da meditação, o que impedirá que ela cresça. Muitas pessoas me perguntam como podem modificar suas vidas. Eu digo sempre: “Se você quer mudar sua vida, você precisa começar mudando sua visão, seu comportamento, seus hábitos e seu relacionamento com os outros. Além disso, existe também um ingrediente-chave precioso para efetuar a mudança: você deve ser sincero na sua intenção. Com a ajuda da oração e da meditação e um esforço honesto e determinado para mudar, você pode se tornar livre. Ninguém pode fazer esse trabalho por você; a mudança que você faz depende inteiramente do seu próprio esforço. Viva atentamente e de forma inteligente, assim estará livre de todas as formas de medo, inclusive o medo da morte”.

Extraído do livro: Libertando-se do Medo, de Paramahamsa Prajnanananda

Deixar uma resposta

0
    0
    Seu carrinho
    Seu carrinho está vazioVoltar à loja