Uma escola para crianças

escola1

Em 1999, Orissa – um estado da costa leste da Índia – experimentou seu pior ciclone na história, deixando mais de 48.000 mortos e incontáveis desabrigados. A economia deste estado agrícola estava prejudicada e os efeitos ainda podiam ser sentidos 5 anos após o desastre, com muitas crianças órfãs ou vivendo em extrema miséria e privadas de educação.

Num esforço de prover moradia, saúde e educação a estas crianças, Paramahamsa Prajnanananda, em conjunto com a Prajnana Mission, fundou o “Hariharananda Balashram”, uma escola internato, situada a 80 km de Cuttack. Balashram significa “casa e escola para crianças carentes”.

A escola foi criada com a missão de fornecer educação básica às crianças pobres independente de casta, religião ou sexo. A cada ano, 40 crianças em idade de jardim da infância são admitidas para uma educação de 12 anos consecutivos. Assim, 480 crianças estarão estudando e morando ali quando o primeiro grupo de estudantes se formar – no décimo período.

Atualmente o Orfanato abriga 160 crianças e oferece desenvolvimento físico, emocional, mental e espiritual para cada uma. Elas são admitidas a partir dos 4 anos de idade e pretende-se educá-las até os 18 anos. É mantido por doações através das ONG`s Hand in Hand dos Estados Unidos e da Europa, e administrado por um Conselho da Missão Prajnana, uma ONG criada na Índia por Paramahamsa Prajnanananda.

Em breve serão 200 crianças, escolhidas entre as mais economicamente desprivilegiadas. Com isso elas têm a oportunidade de uma vida melhor, cercada de valores espirituais e de se tornarem membros produtivos da sociedade.

Para cumprir o Projeto, de abrigar 480 crianças, o internato necessita de acomodações, o que demanda um valor alto para a construção dos prédios, infra-estrutura e manutenção.